Busca:
Notícias Notícias:
Publicada em 05/11/2019 às 16:15
Praça Duó recebe evento de skate e cultura, entre os dias 11 e 17/11
Praça Duó recebe evento de skate e cultura, entre os dias 11 e 17/11
foto: Divulgação

Os melhores skatistas do mundo estarão reunidos na Praça Duó a partir do dia 11 de novembro para o Oi STU Open, maior evento de skate e cultura urbana da América Latina. Atletas das modalidades Street e Park estarão até o dia 17 competindo por importantes pontos para a classificação olímpica. Além de muito skate, o evento terá também shows, exposições de arte, oficinas, comida de rua e moda.

 “Em sua terceira edição, o STU Open se consolida como um dos principais eventos de lifestyle urbano do mundo, unindo o melhor do alto rendimento mundial do skate com a essência das ruas. Fechar o calendário de 2019 e abrir a segunda janela olímpica nos honra muito, e é um presente para o Rio de Janeiro e para o skate brasileiro. Somos muito gratos à World Skate, à CBSk, ao poder público estadual e municipal do Rio de Janeiro, com destaque para a Secretaria de Estado de Esportes, Lazer e Juventude, todos os demais parceiros e, principalmente, a Oi, por continuar acreditando no potencial de conexão e transformação que tem o skate e a cultura urbana”, diz Diogo Castelão, sócio-diretor da Rio de Negócios. 

 Na briga olímpica, a disputa de Park do Oi STU Open valerá como uma etapa do Pro Tour, distribuindo valiosos 60 mil pontos para o primeiro colocado. Já no Street, a etapa somará 40 mil pontos para o campeão, valendo como um Five Stars. Serão cerca de 300 skatistas, entre homens e mulheres (nas duas modalidades) competindo na Praça Duó. Promessa de belas disputas e uma prévia de Tóquio 2020.

 No Street feminino, as brasileiras vêm forte para competição. No ranking olímpico, a líder é a paulista Pamela Rosa, atual campeã mundial da modalidade, seguida de Rayssa Leal, na segunda posição. Letícia Bufoni ocupa o quarto lugar, atrás da japonesa Aori Nishimura. 

 “Estou muito ansiosa para essa etapa do Oi STU Open. Venho de um ano incrível, graças a Deus, muito focada e determinada no que faço. Estou preparada para o campeonato, que, com certeza, vai ser animal! A energia brasileira e torcida não tem preço. Tenho certeza que vai ser de alto nível de skate como sempre foi”, afirma Pamela Rosa.

 Já entre os homens, o brasileiro Kelvin Hoefler aparece em quarto lugar. A primeira colocação está com o americano Nyjah Huston, seguido do japonês Yuto Horigome, e o português Gustavo Ribeiro.  

 No Park, as japonesas lideram o ranking com Misugu Okamoto, no primeiro lugar, e Sakura Yosozumi no segundo. A britânica Sky Brown completa o terceiro lugar. Nossas brasileiras ficam no sétimo lugar com Dora Varella, e oitavo lugar com Isadora Pacheco. No Park masculino, o líder é o americano Heimana Reynolds, seguido dos brasileiros Luiz Francisco (segundo lugar) e Pedro Barros, em terceiro.

 "É muito bom ter mais um campeonato com nível mundial aqui no Brasil em 2019. Ajuda muito na cena do skate e fortalece a nossa essência aqui no país. Eu espero que seja mais uma oportunidade para gente andar muito de skate, rever os amigos e inspirar pessoas. A pista da Praça Duó já é conhecida, tem um bom nível, dá para fazer uma boa linha e buscar um bom resultado. Provavelmente vai estar bem quente durante o campeonato, mas estar ali de frente para a praia é muito style", completa Pedro Barros.

 Os 15 melhores atletas do Ranking Olímpico da World Skate (OWSR) serão automaticamente qualificados para o Oi STU Open, sem precisar disputar as eliminatórias. Os dois melhores resultados de cada skatista na primeira janela olímpica (de janeiro a setembro de 2019) e os cinco melhores resultados da segunda janela (de outubro de 2019 a maio de 2020) serão considerados na classificação para os Jogos. O Oi STU Open abre a segunda janela da corrida olímpica para Tóquio 2020. 

 "O Oi STU Open fecha um ano importante com um total de três competições internacionais da corrida olímpica em solo brasileiro. A CBSk se sente muito honrada por poder contribuir com esse momento do skate brasileiro reforçando sua posição de liderança e vanguarda no cenário do skate mundial”, destaca Eduardo Musa, presidente da CBSk, entidade que realiza o evento em parceria com a Rio de Negócios.

“Estamos orgulhosos de ter o primeiro evento da segunda temporada para a classificação olímpica no Brasil, um país que pode contar com os seus milhões de skatistas e alguns dos melhores profissionais do mundo! O Oi STU Open será um prelúdio de uma série incrível de etapas ao redor do mundo. Nós gostaríamos de agradecer ao Skate Total Urbe, a Rio de Negócios e a CBSk pelos seus esforços extraordinários para assegurar um evento sensacional! E, claro, a Cidade do Rio de Janeiro”, diz Sabatino Aracu, Presidente da World Skate.

 “O ano de 2019 foi maravilhoso para o skate brasileiro. Ao longo do ano levamos esporte e cultura urbana a novos points, como Lauro de Freitas, na Bahia, e Belo Horizonte, em Minas Gerais. Além disso, sediamos, em São Paulo, o primeiro campeonato Mundial de Park dentro de uma janela olímpica e agora fechamos o ano com o STU Open, cujos pontos são valiosíssimos para a corrida olímpica em ambas as modalidades. Com a proximidade dos Jogos de Tóquio, esperamos que a etapa no Rio tenha um nível elevadíssimo. Temos um sentimento de dever cumprido, promovendo e fortalecendo a prática no skate em todo o país”, afirma Bruno Cremona, gerente de Patrocínios e Eventos da Oi. 

« leia mais notícias

Cadastre-se para receber a nossa newsletter: